ALBUM DE CANÇÕES de LIDIJA PERCAN 
                       
       
 
   
 
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       
       
LIDIJA PERCAN, cantatrice populare croata, conociuta come "La Voce di Oro de la Istria".     LIDIJA PERCAN, cantora popular croata, conhecida como "A Voz de Ouro da Istria".
   
      Croatian pop singer known as "Golden voice of Istra".
                       
BELLA ISTRIANA MIA
Raoul Casadei
Interprete: Lidjia Percan.
 
"Mia bella istriana" e' una canzone scritta e interpretata dal Casadei. Reinterpretata poi dalla polesana Lídija Percan (si legge Lìdia Perzan).   "Mia bella istriana" e uma canção escrita e interpretada por Casadei. Reinterpretada depois pela polesana Lidija Percan (Se lê Lídia Pertzan).
 
 
 
ITALIANO    PORTUGUÊS
 
L'estate mi porterà,   O verão me levará
oltre la nostra frontiera,   alem da nossa fronteira
tra gente calda e ospitale,   entre gente calorosa e hospitaleira
in una bella riviera,   em uma bela orla marítima
 
Da Capodistria ad Isola,   De Capodístria até a Isola (ilha)
Da Portorose a Pirano,   De Portorose à Pirano
Chi vuole l'estate d'amore,   Quem quer o verão de amor
Del dolce incanto istriano.   Do doce encanto istriano
 
Nei occhi tuoi c'è il mare,   Nos olhos teus tem o mar
Bella istriana mia,   Bela istriana minha
E nelle tue parole,   E nas tuas palavras
C'è tanta poesia.   Tem tanta poesia
 
La nostra bella rosa,   A nossa bela rosa
Su l'onda sta lontana,   Sobre a onda está longe
Ed io ti stringo al cuore,   E eu te aperto ao coração
Mia bella istriana.   Minha bela istriana
 
L'estate mi porterà,   O verão me levará
Oltre la nostra frontiera.   alem da nossa fronteira
Tra gente calda e ospitale,   entre gente calorosa e hospitaleira
In una bella riviera.   em uma bela orla marítima
 
Da Capodistria ad Isola,   De Capodístria até a Isola (ilha)
da Portorose a Pirano.   De Portorose à Pirano
Chi vuole l'estate d'amore,   Quem quer o verão de amor
del dolce incanto istriano.   Do doce encanto istriano
 
Nei occhi tuoi c'è il mare,   Nos olhos teus tem o mar
Bella istriana mia.   Bela istriana minha
E nelle tue parole,   E nas tuas palavras
C'è tanta poesia.   Tem tanta poesia
 
La nostra bella rosa,   A nossa bela rosa
Sull'onda sta lontana.   Sobre a onda está longe
Ed io ti stringo al cuore,   E eu te aperto ao coração
Mia bella istriana.   Minha bela istriana
 
Ti stringo al cuor,   Te aperto ao coração
Mia bella istriana.   Minha bela istriana
Per tanto amor,   Por tanto amor
Mia bella istriana.   Mia bela istriana
 
Istriana: Nata in Istria, paese que ho frontiera com il regione del Veneto.   Istriana: Nascida na Istria, país que tem fronteira com a região do Vêneto.
 
 
                       
PIEMONTESINA
Interprete: Lidjia Percan e conjunto
 
ITALIANO    PORTUGUÊS
 
Non ti potrò scordar   Não te poderei esquecer
piemontesina bella   piemontesinha bela
sarai la sola stella   será a única estrela
che brillerà per me.   que brilhará para mim.
 
Ricordo quelle sere   Recorda aquelas tardes
passate al Valentino,   passadas no Valentino,
col biondo studentino   com o loiro estudante
che ti stringeva sul cuor.   que te apertava em seu coração
 
Addio bei tempi passati   Adeus belos tempos passados
mia piccola amica ti devo lasciar   minha pequena amiga, te devo deixar
gli studi son già terminati   os estudos são já terminados
abbiamo finito così di sognar.   devemos terminar assim de sonhar.
 
Lontano andrò, dove non sò,   Longe irei, onde não sei,
parto col pianto nel cuor,   parto com pranto no coração,
dammi l'ultimo bacio d'amor.   da-me o ultimo beijo de amor
 
Non ti potrò scordar   Não te poderei esquecer
piemontesina bella   piemontesinha bela 
sarai la sola stella   será a única estrela
che brillerà per me.   que brilhará para mim.
 
Ricordo quelle sere   Recorda aquelas tardes
passate al Valentino,   passadas no Valentino,
col biondo studentino   com o loiro estudante
che ti stringeva sul cuor.   que te apertava em seu coração
 
Totina il tuo allegro studente   Calcule, o seu alegre estudante
di un giorno lontano   de um dia longíquo
è adesso dottor,   é agora doutor
io curo la povera gente,   eu curo a probre gente
ma pur non riesco a guarir il mio cuor.   mas ainda não posso curar o meu coração.
 
La gioventù non torna più,   A juventude, não volta mais,
quanti ricordi d'amor   quantas lembranças de amor
a Torino ho lasciato il mio cuor.   em Torino tenho deixado o meu coração.
 
Ricordo quelle sere   Recorda aquelas tardes
passate al Valentino,   passadas no Valentino,
col biondo studentino   com o loiro estudante
che ti stringeva sul cuor.   que te apertava em seu coração
Torino - Parco del Valentino
 
  Vocabulário:
  Piemontesina: Moça nascida na região do Piemonte, que tem como cidade principal Torino.
 
 
  Totina: No sentido de avaliar. Uma certa quantidade; Tanto; Tal.
 
 
  Valentino: Parque Valentino. Um lugar pitoresco.
 
 
 
 
Torino - Parco del Valentino (antigo)  
               
ROMAGNA MIA
Interprete: Lidjia Percan e conjunto
 
ITALIANO    PORTUGUÊS
 
Sento la nostalgia del passato    Sinto a saudade do passado
quando la mamma mia ho lasciato   de quando a minha mãe tenho deixado
 non ti potrò scordar casetta mia    não te poderei esquecer lar meu
in questa notte stellata    e nesta noite estrelada
la mia serenata io canto per te.   a minha serenata eu canto para ti
 
Romagna mia, Romagna in fiore   Romagna minha, Romagna em flores
 tu sei la stella tu sei l’amore,    tu és a estrela, tu és o amor
quando ti penso vorrei tornare    quando em ti penso, quero voltar
dalla mia bella, al casolare.    para a minha bela, no lar
 
Romagna, Romagna mia,    Romagna, Romagna minha,
lontan da te non si può star!   longe de ti não se pode estar!
 
Romagna, Romagna mia,    Romagna, Romagna minha,
lontan da te non si può star!   longe de ti não se pode estar!
 
       
QUEL MAZZOLIN DI FIORI
Interprete: Lidjia Percan e conjunto
 
ITALIANO    PORTUGUÊS
 
     Questa è una di quelle canzoni che, nate sui monti, si sono fulmineamente divulgate per tutta la Penisola.  Essa è certo ora, una delle "beniamine" di tutte le brigate, montanare o no, desiderose di stare allegre anche....quando cantano una storia triste."   Esta é uma daquelas canções que nasceram nas montanhas, e foi poderosamente divulgada em toda a península. É um canto conhecido por todas as brigadas, montanhesas ou não, que desejosos de alegrar-se, ainda que cantem uma historia triste.
 
 
 
 
 
     Una poveretta, tradita da un moretto, piange le sue pene d'amore. Nonostante non si tratti che di un appuntamento mancato al sabato sera, la poveretta, sentendosi tradita, annuncia uno strazio che non avrà mai fine. Il canto è uno dei più conosciuti, del quale esistono varie versioni anche al di fuori del Trentino.   Uma moça pobre, traída pelo namorado, chora suas mágoas de amor. Trata da falta a um encontro na noite de sábado, e a coitadinha, sentindo-se traída, anuncia uma dor que nunca vai acabar. A canção é uma das mais populares, da qual existem várias versões, também fora do Trentino.
 
 
 
 
 
 
 
Quel mazzolin di fiori   Aquele macinho de flores
che vien dalla montagna   que vem da montanha
Quel mazzolin di fiori   Aquele macinho de flores
che vien dalla montagna   que vem da montanha
bada (e guarda)  ben che non si bagna   olha bem que não se molhe
chè lo voglio regalar,   que eu quero presentear (dar de presente)
bada (e guarda) ben che non si bagna   olha bem que não se molhe
chè lo voglio regalar.   que eu quero presentear (dar de presente)
 
Lo voglio regalare   O quero presentear
perchè l'è un bel mazzetto,   porque é um belo macinho
Lo voglio regalare   O quero presentear
perchè l'è un bel mazzetto,   porque é um belo macinho
lo voglio dare al mio moretto   Eu o vou dar ao meu namorado
stasera (questasera) quando vien,   esta noite quando vier
lo voglio dare al mio moretto   Eu o vou dar ao meu namorado
stasera (questa sera) quando vien.   esta noite quando vier
 
Stasera (questasera) quando vien   Esta noite quando vier
gli fo ( sará ) una brutta cera;   será uma bruta noite
e ( má ) perchè Sabato di sera   e porque Sabado a noite
lui non è vegnù da me,   ele não veio a mim
e perchè Sabato di sera   e porque Sabado a noite
lui non è vegnù da me.   ele não veio a mim
 
Non l'è vegnù da me,   Não veio ele a mim
l'è andà dalla Rosina...   e foi para a Rosina...
Non l'è vegnù da me,   Não veio ele a mim
l'è andà dalla Rosina...   e foi para a Rosina...
Perchè mi son poverina   Porque eu sou pobrezinha
mi fa pianger e sospirar,   me faz chorar e suspirar
perchè mi son poverina   Porque eu sou pobrezinha
mi fa pianger e sospirar.   me faz chorar e suspirar
 
Mi fa piangere e sospirare   Me faz chorar e suspirar
sul letto dei lamenti   no leito dos lamentos
Mi fa piangere e sospirare   Me faz chorar e suspirar
sul letto dei lamenti   no leito dos lamentos
e che mai diran le genti,   e que males dirão as pessoas
cosa mai diran di me,   cosas más dirão de mim,
e che mai diran le genti,   e que males dirão as pessoas
cosa mai diran di me.   cosas más dirão de mim,
 
 
... Continuação, em outras interpretações.  
 
Diran che son tradita,   Dirão que sou traída
tradita nell'amore   traída no amor
e a me mi piange il cuore   e a mim me chora o coração
e per sempre piangerà,   e para sempre chorará,
e a me mi piange il cuore   e a mim me chora o coração
e per sempre piangerà.   e para sempre chorará,
 
Abbandonato il primo,   Abandonado foi o primeiro
abbandonà il secondo,   abandonado foi o segundo,
abbandono tutto il mondo   abandono todo o mundo
e non mi marito più,   e não me caso mais,
abbandono tutto il mondo   abandono todo o mundo
e non mi marito più.    e não me caso mais,
 
               
DA TRIESTE FINO A ZARA
Interprete: Lidjia Percan e conjunto
 
TRIESTINO (dialeto)   PORTUGUÊS
 
Da Trieste fino a Zara    De Trieste até a Zara 
go impegnà la mia gitara,    vou empenhar a minha guitarra, 
Amor, amor, amor!    Amor, amor, amor! 
Amor, amor, amor!    Amor, amor, amor! 
Da Trieste fino a Zara    De Trieste até a Zara 
go impegnà la mia gitara,    vou empenhar a minha guitarra, 
Amor, amor, amor!    Amor, amor, amor! 
Chè Trieste xe un bel fior!   Que em Triestre tem uma bela flor!
 
Jero in campagna con primo amore,    Ontem no campo, com o primeiro amor
oh, che bel fior!    oh, que bela flor! 
Oh, che bel fior! Oh, che bel fiore!    Oh, que bela flor! Oh, que bela flor! 
Iero in campagna con primo amore,    Ontem no campo, com o primeiro amor
oh, che bel fior! Oh, che bel fior!    Oh, que bela flor! Oh, que bela flor! 
Viva l'amor!   Viva o amor!
 
Da Trieste fin Turino    De Trieste até Torino
go impegnà mio mandolino,    vou empenhar meu bandolim
Amor, amor, amor!   Amor, amor, amor!
Amor, amor, amor!   Amor, amor, amor!
Da Trieste fin Turino    De Trieste até Torino
go impegnà mio mandolino,    vou empenhar meu bandolim
Amor, amor, amor!   Amor, amor, amor! 
Chè Trieste xe un bel fior!   Que em Triestre tem uma bela flor!
 
Jero in campagna con primo amore,    Ontem no campo, com o primeiro amor
oh, che bel fior!    oh, que bela flor! 
Oh, che bel fior! Oh, che bel fiore!    Oh, que bela flor! Oh, que bela flor! 
Iero in campagna con primo amore,    Ontem no campo, com o primeiro amor
oh, che bel fior! Oh, che bel fior!    Oh, que bela flor! Oh, que bela flor! 
Viva l'amor!   Viva o amor!
 
La in Trieste go lavora,   La em Trieste vou a trabalho
go bacià per uma ora,    vou beijar por uma hora
Amor, amor, amor!   Amor, amor, amor!
Amor, amor, amor!   Amor, amor, amor!
La in Trieste go lavora,   La em Trieste vou a trabalho
go bacià per uma ora,    vou beijar por uma hora
Amor, amor, amor!    Amor, amor, amor! 
Chè Trieste xe un bel fior.   Que em Triestre tem uma bela flor!
 
Jero in campagna con primo amore,    Ontem no campo, com o primeiro amor
oh, che bel fior!    oh, que bela flor! 
Oh, che bel fior! Oh, che bel fiore!    Oh, que bela flor! Oh, que bela flor! 
Iero in campagna con primo amore,    Ontem no campo, com o primeiro amor
oh, che bel fior! Oh, che bel fior!    Oh, que bela flor! Oh, que bela flor! 
Viva l'amor (sul paion)!    Viva o amor!
 
 
 
Soltanto per ascoltare     Somente para ouvir
GUARDA CHE BEL VAPOR     OLHA QUE BELO NAVIO
LE MULE DE FIUME     LE MULE DE FIUME
TERRA ISTRIANA     TERRA ISTRIANA